Portfólio do editor em

Belo Horizonte,

Mapa do Blog | Avise Erros | Contato

COMUNICAÇÃO | SOCIEDADE | CULTURA | ESPORTE

 

SOCIEDADE


Divulgação científica Compartilhar

Bienal da UNE tem recorde de trabalhos na mostra científica e tecnológica

 
Léo Rodrigues | 21/01/2013 - 12:35 Notícia publicada pela Portal EBC

O evento, que começa amanhã (22), terá 97 trabalhos apresentados na Faculdade de Olinda (FOCCA). A sustentabilidade, a energia elétrica, as questões de gênero e novas metodologias educacionais estão entre os temas.

Jouhanna Menegaz: 'falar em soberania é também reconhecer a importância de um desenvolvimento científico e tecnológico próprio'

Jouhanna Menegaz: "falar em soberania é também reconhecer a importância de um desenvolvimento científico e tecnológico próprio". | Foto: ANPG

Brasília - A produção científica e tecnológica das instituições de ensino brasileiras será destaque na 8ª Bienal de Arte da União Nacional dos Estudantes (UNE), que começa amanhã (22) nas cidades de Recife e Olinda (PE). Foram 178 trabalhos inscritos, um crescimento expressivo se comparado com os cerca de 90 que foram recebidos pela última edição do evento.

Após a análise dos trabalhos, 97 foram selecionados. Eles serão apresentados na Faculdade de Olinda (FOCCA), em discussões temáticas, sessões coordenadas ou pôsteres.

A apresentação de trabalhos científicos na Bienal aconteceu pela primeira vez na 5ª edição do evento, realizada em 2007 no Rio de Janeiro. A ideia foi construída a partir de uma parceria entre a UNE e a Associação Nacional dos Pós-Graduandos (ANPG), entidade que organiza a mostra.

Segundo Jouhanna Menegaz, secretária-geral da ANPG, a mostra busca socializar o trabalho e o conhecimento produzido nas instituições brasileiras, além de provocar a reflexão acadêmica. Há trabalhos de estudantes de todos os níveis, incluindo do ensino médio e tecnológico. "Há escolas que estimulam os estudantes a participarem, o que tem contribuído para um crescimento das inscrições. Os trabalhos fazem despertar o interesse científico em outros participantes da Bienal", relata Jouhanna.

Soberania Nacional

Da sustentabilidade, passando pela energia elétrica e chegando na questão de gênero. A diversidade de temas na mostra científica e tecnológica evidencia a riqueza da produção universitária. Segundo os organizadores, impressionou a quantidade de trabalhos na área de educação inscritos nesta Bienal.

LEIA TAMBÉM:

  • Bienal da UNE começa com espetáculo gratuito sobre a vida de Luiz Gonzaga
  • História da Bienal da UNE aponta poder de mobilização de estudantes e artistas
  • UNE quer que o forró seja considerado patrimônio imaterial da humanidade
  • Jouhanna considera que, ao discutir e estimular a produção científica, a UNE contribui com o desenvolvimento do país e com a defesa da soberania nacional. "Falar em soberania é também reconhecer a importância de um desenvolvimento científico e tecnológico próprio, evitando a dependência do que é produzido no exterior", avalia.

    A pós-graduanda lembra que, apesar do evento receber o nome de Bienal da UNE, trata-se de fato de uma "bienal das entidades estudantis". "A programação conta com uma participação importante da ANPG, da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e de outras organizações", aponta ela.

    A 8ª Bienal da UNE, que vai até o dia 26 de janeiro, também terá uma novidade: pela primeira vez, haverá uma mostra de projetos de extensão.

    Assista a vinheta do evento:

     

    comments powered by Disqus

     

    O EDITOR


    Léo Rodrigues

    Repórter da Agência Brasil, formado em Comunicação Social pela UFMG em 2010. Ex-jornalista da TV Brasil e do Portal EBC, onde também atuou como editor de esportes. Diretor de documentários cujo foco de interesse é a cultura popular, entre eles os longas "Aboiador de Violas" e "Pra fazer carnaval mais uma vez". Saiba mais

     

    O BLOG


    O trabalho do jornalista nunca é isento. Trata-se de um exercício constante de escolhas. Para onde apontar a lupa? De que ângulo posicionaremos a lupa? Este espaço surge a partir do interesse do editor em concentrar o seu acervo de produções jornalísticas e, ao mesmo tempo, propor coberturas e reflexões sobre comunicação, sociedade, cultura e esporte. Entenda melhor a proposta

     

    QUEM É O EDITOR | PROPOSTA DO BLOG | MAPA DO BLOG | AVISE ERROS | CONTATO

    Alguns direitos reservados
    Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil exceto quando especificado em contrário.
    Permitida a cópia, redistribuição e alterações desde que se conceda os devidos créditos e mencione caso alguma adaptação tenha sido realizada.
    Saiba mais como funciona a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil